Meg tá no fino RS é um fenômeno da Internet

Moradora de Osório teve alcance de  1 milhão de visualizações na publicação de vídeos com temáticas do dia a dia

Magda Cardoso é natural de Santo Antônio da Patrulha. Casada,  ela mora em Osório há seis meses e é  mãe da pequena Laura detrês anos. Se tornou fenômeno na internet no momento em que atingiu 1 milhão de visualizações  para um vídeo postado com a personagem Meg tá no fino RS, originário  do snapchat, onde faz humor com o cotidiano das pessoas.

A Meg se tornou sucesso em todo o mundo. De um momento para outro Magda passou a criar mais para seu personagem se tornando uma celebridade, que ao sair na rua é reconhecida mesmo sem filtro.

Ela atendeu o convite e veio até a redação do Jornal Bons Ventos. Segundo Magda, a personagem surgiu por causa do desemprego. “ Baixei o aplicativo e comecei os vídeos. Eu não tenho nenhum roteiro. Invento na hora. No início tive pouca visualização. Aí tive a idéia de fazer o video sobre o frio. Em dois dias, deu 1 milhão de visualizações. Gravei mais dois e novamente deu um milhão. Minha página passou para 50 mil seguidores. Em dois dias fiquei famosa (risos)”, diz ela.

Hoje, a “ Meg” vende camisetas, xícaras, faz eventos e já registrou a marca.

O termo “ Tá no fino” é uma frase usada pela mãe, e significa  um estado de espírito. Meg também faz voluntariado no Hospital São Vicente de Paulo, e  uma vez por semana se veste de palhaço e vai alegrar as crianças da pediatria. O desemprego é coisa do passado, a Meg já tem uma conta bancária sendo movimentada e ajuda no sustento da casa. Confessa que no primeiro momento o sucesso foi assustador. “ Hoje, sem filtro, sou reconhecida na rua. Só recebe]o carinho e abraços e coisas boas que me desejam. Na semana passada foi num evento em Araranguá, e tinha muita gente me esperando. “Tenho que agradecer a minha família e meu esposo principalmente que é o meu assessor depois das 17 h. É um grande parceiro que tá me ajudando muito.” relata Meg.

Hoje a  Meg conversa com o mundo todo pelo Facebock. As ideias para as opiniões da personagem Meg sai na hora, sem roteiro. E termos tipo “ Jesus segura minha mão”, são usada por ela no dia a dia. É tudo muito natural, sem ensaio, o humor é uma coisa nata.

Magda sempre foi considerada a palhaça da família. Viveu momento difíceis com uma doença, mas ficou curada. O sucesso veio na hora certa. Aos 35 anos o sonho da Meg é chegar até a TV Globo.

“ Não tenho vergonha de dizer que este é meu sonho. Já escrevi e mandei vídeo para a Fátima Bernardes. Quem sabe ela não me chama para conversar. Vou trabalhar para isso e levar sempre o nome de Osório”.

Magda Cardoso e a personagem Meg tá no fino RS:

                       DSC01610Meg

Texto: Antão Sampaio