Festa Nacional da Música, um importante encontro da música brasileira

Com o Cordas & Rimas (do Século XX) participei de uma das primeiras edições desse encontro. Agora, presentes também, Cattulo e Brenda têm a oportunidade de conhecer, aprender, interagir e fazer parte desse evento que reúne grandes nomes da música brasileira durante uma semana no Hotel Lage de Pedra em Canela/RS.
Entre muitos outros, estão ou estiveram por lá neste ano Nando Reis, Guilherme Arantes, Marina Lima, Ivan Lins, Fafá de Belém, Sandra de Sá, Fresno, Sergio Reis, Robertinho do Recife, Gabriel, o Pensador, MC Guimê, Rodrigo Santos e os Lenhadores, Flávio Venturini, Sá & Guarabyra, Rappin Hood, Paula Lima, Jeito Moleque, Michael Sullivan, We’e’ena Miguel, e ainda os participantes do Rio Grande do Sul, tais como: Nelson Coelho de Castro, Chão de Areia, Gelson Oliveira, Elton Saldanha, Loma Pereira, Rock de Galpão, Samuca, Zueira, Chimarruts, Claus e Vanessa, Papas da Língua, Reação em Cadeia, BibianaPetek, Cordas&Rimas, Stereosound e Luiz Marenco.

Música e história

A Festa Nacional da Música chega a sua 10ª edição como o encontro mais esperado e importante da música brasileira. É referência para artistas e gravadoras, atraindo a atenção dos meios de comunicação de todo o País.
O maior encontro da MPB certamente está na memória de todos aqueles que participaram das edições anteriores. Por sua particularidade, o evento se diferencia de outras propostas e se tornou agenda aguardada, todos os anos, por centenas de músicos, produtores, jornalistas, divulgadores, técnicos e executivos envolvidos diretamente na criação e difusão de todos os segmentos da música brasileira.
A atual Festa Nacional da Música nasceu com outro nome: chamava-se Festa do Disco. Durante 15 anos, nas décadas de 1970 e 1980, reuniu grandes nomes da Música Popular Brasileira. O evento voltou a ser realizado, em versão mais moderna e ampliada, a partir de 2005 já com o nome de Festa Nacional da Música.
A Festa Nacional da Música está consolidada como o maior encontro musical da América Latina. Apesar da modernização, a essência permaneceu a mesma. Um evento sem rótulos, que congrega todos os gêneros da música para discutir temas ligados à música e ao mercado fonográfico.
Os debates, a espontaneidade dos encontros, as rodas de som, as apresentações e parcerias inusitadas, as trocas de ideias e projetos, a divulgação de obras e trabalhos realizados durante o ano é o que faz com que na cidade de Canela, todos os anos, a MPB volte a se encontrar.
Tendo como homenageados, o crítico de música e jornalista Juarez Fonseca e um dos ícones do fertilíssimo movimento Clube da Esquina de Minas Gerais, Flavio Venturini também estão na Festa Nacional da Música que se encerra hoje. (fonte e fotos:http://www.festanacionaldamusica.com.br).festa_da_musica