Diocese de Osório divulga as nomeações e transferências de padres

A Diocese de Osório,  divulgou na manhã desta segunda-feira, 29, a distribuição do clero por área pastoral, com nomeações e transferências de párocos e vigários paroquiais, para 2019.

Atualmente, a Diocese é composta por 22 paróquias, abrangendo o território entre Palmares do Sul e Torres, com o total de 32 padres, entre religiosos e diocesanos, 7 diáconos permanentes e, em 2019, contará com mais 2 diáconos transitórios (em vista da ordenação presbiteral).

Para o próximo ano está previsto o início do processo de criação de nova paróquia em Imbé, desmembrando da Paróquia Nossa Senhora dos Navegantes que, atualmente compreende esta cidade e Tramandaí.

De acordo com o bispo da Diocese de Osório, dom Jaime Pedro Kohl, as transferências e nomeações de padres são processos normais na organização da Igreja Diocesana; por isso, devem ocorrer em clima de tranquilidade, tanto para o padre que sai, quanto para o que chega. Igualmente, para as comunidades, a chegada de um novo pároco ou vigário paroquial, pode ser vivida como um momento bonito da caminhada de evangelização e organização.

Nesse processo de nomeações e transferências dos padres, dom Jaime Pedro pede apoio das comunidades; e, ao mesmo tempo, anima todos/as com orientações para acolhida dos novos sacerdotes. “Já sabemos, mas nem sempre é fácil observar, que quem chega na nova missão precisa de um tempo razoável para conhecer a realidade daquela paróquia com suas iniciativas, projetos, caminhada, lideranças, potencialidades, horários, práticas e também limites e dificuldades a serem superadas”, afirma dom Jaime Pedro.